Meio azulzinho faz um estrago bom

Isto aconteceu fazem um ano, sempre nas salas falam em cinema pornô, que é uma pegação total, tive a curiosidade e em dia sai mais cedo do trabalho, como não tinha nada para fazer, procurei um endereço e fui, cheguei la, dei uma volta e vi numa ponta dos bancos um senhor (vou chamar de Ivan) sentado olhando para os lados e com o pau pra fora se masturbando vendo o filme de um travesti enrabando um casal.

Fiquei meio sem saber so observando e vi que chegou um baixinho e ficou perto deste senhor, ele se virou e começou a pegar no pau do baixinho e fez um boquete mas coisa rápida, acho que pela posição e ser baixinho não ficou apropriado, nisso meu tesão começou a despertar e fiquei me alisando, veio um cara do meu lado e pegou no meu pau falando vamos la no banheiro, fiquei meio sem graça e não fui, ele saiu, nisso como estava perto do cara sentado ele viu a cena e fez um sinal com o dedo para eu me aproximar, olhei para os lados e fui, me encostei eu já estava com a calça aberta, fui me encostando e logo ele enfiou a mão para dentro da calça e pegou no meu pau por cima da cueca e meu puxou mais perto, fui me ajeitando até ficar numa posição que facilitaria tudo para ele, tirou meu para fora das calças e me punhetou um pouco ai sim fiquei colado nele, se ajeitou na poltrona e colocou meu pau na boca, que coisa deliciosa e maluca, nunca tinha feito assim, com gente passando uma coisa muito excitante, peguei a cabeça dele e forçava mina pica com força até ele largar um gemido e resmungou alguma coisa tipo deixa que eu faço e mamava muito gostoso, não demorou muito enchi a boca dele de porá, foi uma gozada muito gostosa, bem diferente ainda mais que nisso tinha várias pessoas no lado vendo e se masturbando, eu não tinha nem notado, ele sugou tudo não deixou uma gota escapar, me arrumei, guardei minha pica e fui sentar no outro lado para ver um pouco do filme e me recompor daquela gostosa gozada.

Não demorou muito e o Ivan veio e sentou do meu lado, fiquei sem saber o que fazer, mas ele logo se encostou e puxou conversa, queria saber se eu costumava vir aqui porque nunca tinha me visto, que gostou do meu pau, minha porá éra deliciosa estas coisas e fui me soltando, nisso ele já estava com a mão na minha pica por cima da calça, pediu posso pegar por dentro, falei pode já mamou ele todo e rimos, ele foi rápido com uma habilidade abriu minha calça e colocou o pau meio pra fora, ele meia bomba tinha acabado de gozar gostoso naquela boca, falei que nunca tinha ido, mas a curiosidade era muito e surgiu a oportunidade e conversamos ele é corretor imobiliário, casado, costuma frequentar sim o ambiente este e outros, sua mulher nem desconfia para ela ele é macho mesmo e me convidou para ir no banheiro para eu enrabar ele, falei mas não é perigoso ele riu e falou aqui tudo é liberado, pode até andar pelado se quiser, me puxou pela mão e falou me acompanha, fui meio desconfiado, no que entramos tinha num canto um cara de cabeça branca com as calças arriadas levando uma pica que eu nunca tinha visto de verdade de um travesti, sei la mas deveria ter mais que 25cm, nossa o coroa gemia e a pica não entrava toda, ele falou está vendo aqui vale tudo, e nem se preocuparam, entramos num box ele veio me beijar não deixei, tinha acabado de mamar meu pau sei la se não chupou outro também, se posicionou no vaso de costa com a bunda a mostra e falou mete, fui me arrumando mas estava sem camisinha ele falou quer encapar falei sim com certeza, ai ele pegou uma no bolso, deu uma mamada e encapou, nossa eu estava com um tesão enorme de novo, fui me arrumando e meti, ele calma pra que está pressa, vai com calma e foi se ajeitando e a pica entrou tudo ele reclamou nossa parece que nunca comeu uma bunda, falei de homem faz muito tempo e soquei sem dó, ele rebolava, se mexia, o cara que sabe comandar, e pediu para eu masturbar ele, e insistiu peguei no pau dele meio mole ainda, um tamanho semelhante ao meu, mas nada de endurecer, masturbava e socava no rabo dele até que falei Ivan quero gozar e vc vai ficar assim ele me enche de porá, eu demoro muito para gozar pode foder vai me alaga com teu leitinho, não demorou muito dei logo umas três espiradas que ele gemeu nossa que tesão e nada dele ficar duro totalmente. Nos limpamos e voltamos a sentar, conversamos ele pediu se eu gostei e queria repetir, falei claro que sim ainda mais esta tua bunda, sinto muita vontade minha mulher não gosta de dar o cu, ai fico na secura, ele me deu um cartão e pediu para eu ligar quando estivesse a fim.

Nos despedimos e fui embora, ele ficou la.

Cheguei em casa e tentei de novo comer o cu da minha mulher e nada, falei pra mim mesmo, vai se foder, agora tenho um cu delicioso, passou alguns dias e me coçava a vontade de ligar ate que pintou uma oportunidade de ficar a tarde livre liguei para o Iva, ele nossa pensei que nunca ia me ligar, e marcamos para aquela tarde mesmo, era umas 3h, ele falou quer ir para outro lugar melhor, perguntei aonde, ele tem uma sala comercial perto do cinema que tenho a chave, local semi mobiliado, marcamos la é bem discreto e seguro, se você não gostar vamos par o cinema sem problema, topei e na hora certa cheguei, Ivan já estava lá, no que cheguei deu para ver direito como ele éra, minha altura uns 1,73, uns 70kg, coroa grisalho, branco poucos pelos, rosto sem sinal de barba aqueles caras lisos e me convidou para entrar, me puxou e veio de novo me dar um beijo, fiquei meio sem graça ele não gosta ou nunca fez, eu ri e cedi, nos beijamos e nisso meu pau ficou uma pedra de duro ele nossa tudo isso por um beijo e entramos numa sala que tinha umas poltronas e um sofá, sentou no sofá e começou a tirar minha roupa e já iniciou um boquete que delicia como sabe mamar este puto, nossa fui logo falando para se não te encho de pora, ele é isso que quero pode matar minha sede, mamou muito e me segurei, falei quero gozar primeiro no teu rabo mas com mais tranquilidade hoje, ele parou de mamar meu pau ficou em pé nos beijamos de novo, aquele gosto de sexo na boca dele e fomos ficando so de cueca, peguei no bolso uma camisinha ele veio preparado hoje, ai mostrei uma caixa, esta bom para vc hoje, ele nossa tudo isso vou levar de pica, sim para começar, coloquei a camisinha ele mamou com tudo e falou vai com calma hoje aquele dia fiquei ardido, e ficou de costas se abrindo, coloquei a cabeça e forcei ele gemeu vai, mete na tua cuceta e fui rasgando aquele cu, entrou tudo fiquei parado um pouco sentindo ele pulsar e mamar meu pau com o cu e começou a rebolar, que tesão e fui masturbar, falei de novo esta coisa fica mole, ele calma que um dia ela endurece e riu, metemos muito acho que uns 20 minutos porque nesta hora vc perde a noção do tempo, eu sentava ele cavalgava e nada de tirar de dentro ate que ele falou vamos nos virar para ficar frango assado, tentamos mas ai a pica saiu do cuzinho dele sem a camisinha que ficou la dentro, ele bom sinal que desencapou, quer dize que bala sem papel é gostosa e foi ficando na posição e pediu quer vir sem camisinha pra mim tudo bem, me desculpe mas ainda não, peguei outra, tirei a do cu dele que veio toda suja e fui me arrumando, entrou fácil e muito gostos, sentia minha bolas bater na bunda dele, beijava, mordiscava os mamilos lisinhos, foi muito gostoso, ele se masturbava cada vez mais forte e não demorou muito anunciei o gozo ele vai enche meu cu de pora, foi uma gozada maravilhosa, bem melhor que a do cinema, la ficava meio preocupado, foi uma tarde muito prazerosa, e conversamos muito, a mulher dele tem a idade dele e também não curte muito sexo mas ele se esfrega meio que penetra ela, mama bastante mas o que ele curte mesmo é uma pica, gostou muito de bunda quando mais novo, comeu muito cu de menino, e falou que ainda teria vontade mas não usa nada, ri falei o bom que não tem perigo ele vc que de mole que um dia posso te foder. Aquele dia gozei mais uma vez e sempre ele pedia para masturbar ele, falei isso nunca vai subir, ele vai sim você vai ser testemunha disto e fomos embora. Nisso nos encontramos várias vezes no cinema em salas que ele tinha a chave e ficamos bem íntimos, cada vez era uma foda melhor que a outra e toda vez que eu comia aquele rabo chegava em casa e tentava enrabar minha mulher até que um dia consegui foi muito bom, e diferente, mas muito gostoso, ela nossa que fome de bunda, meti muito.

E nesta sacanagem com Ivan ele falava o dia que isto subir vc vai sentir ela toda eu falava sim com certeza, nisso já estava ate mamando ele para ver se ajudava mas ficava sempre meia bomba, ele esfregava e nada sabia que não ia entrar mesmo, muito sacanagem ficamos depravados até que um dia ele falou na próxima você vai ter uma surpresinha, falei vai trazer tua mulher junto ele falou quase isso e achei graça.

Ele meu convidou quer ir la em casa, minha mulher viajou vai voltar se daqui dois dias, mas não é perigoso, alguém pode ver, ele não vc é meu amigo ninguém tem nada a ver com isso. E fui, cheguei la ele falou hoje você vai ter tua surpresinha, como se ela viajou, não é isso e nos beijamos como sempre, ele me levou para um quarto que não era o dele, fomos tirando a roupa e vi ele estava usando uma calcinha dela, opa esta a surpresa ele quase isso e falou que sempre teve vontade de tomar algum estimulante mas tinha medo de fazer isso na rua porque é perigoso e como ele tem quase 70 é muito perigoso, mas em casa tudo bem, e pegou numa gaveta um comprimido azul, opa isso vai resolver e muito falei, ele mas só vou tomar um pedaço, tudo acho demais, e quebrou no meio, pegou um copo de agua que estava ali pronto e tomou a metade, falou quer o outro pedaço, não ainda não preciso tua linga faz o mesmo efeito, e veio me beijar começamos um 69 gostoso, na cama e bem diferente, falei para ele com detalhes como tinha sido eu comer o cu da minha mulher, ele vibrou, mas o meu rabo é bem mais gostoso que o dela, com certeza o teu é melhor e nossa pegação estava muito boa, ele me fode igual fez com aquela chifruda vai me fode, fiz igual primeiro mamei ele como fiz com ela, lambuzei bem o rabo com a língua coloquei um travesseiro em baixo para ficar mais arrebitado, tudo como fiz com minha mulher quando comi o cuzinho dela e fui me arrumando na portinha para entrar até sem camisinha porque depois de tempo nos nem usávamos mais, e forcei a cabeça e ele enterra tudo, falei não com ela foi diferente, primeiro vc sentir a cabeça da pica e começar a pulsar depois vai entrando bem devagar e foi feito isso, nossa que metida tinha hora que parecia ser minha mulher outra hora éra o Ivan nossa que foda gostosa, ficamos de lado e fui pegar na pica mole dele e levei um susto estava ficando dura, o efeito do viagra já estava começando, falei pode baixar esta coisa, te falei que hoje ia ter uma surpresinha, é esta ai, e meti mais e punhetava ele até que gozei ele ficou com o pau praticamente duro, ele pediu para mamar ele, falei mas não vai querer gozar na boca, ele não so vou gozar dentro depois eu ri, tou fora, e abocanhei ele também aquele 69 delicioso e senti o pau dele ficar durão mesmo, bem diferente mas éra excitante antes aquilo mole e agora duro, quase me gozei mas mamamos muito ele gemia e falava viu o que vc fez, agora vai ter que ir até o final e metia na minha boca, é menor que a minha e mais fina, apenas um sacão ele tem.

Chupamos muito e ele veio de novo com a ideia de me enrabar, falei ta brincando, ele não quero aproveitar e vc falou que aceitava, falei mas foi so zoação ele não vou machucar, fazem anos que quero isso, vamos deixa eu te lamber e foi se arrumando eu fui deixando lamber tudo certo forçava a língua, me deixando relaxado e não largava meu pau para excitar mais ainda e foi encostando a pica na porta do meu rabo, falei parado, ele não se preocupe, passou um KY e encostou de novo, pensei vai ter que ser que seja assim e relaxei, ele assim que fica bom relaxa que não sente a dor da entrada, e forçou nossa que ardume e dor, para, caralho que dói, não vai dar, ele acalma e parou como estava ficamos alguns segundos ele me beijava e masturbava meu pau, ficamos acho que uns 20 minutos nesta pegação e quando senti estava pela metade dento do meu cu, está gostando de levar meu mole agora, se mexe, rebola na pica e fui me soltando, que coisa diferente, engraçado que meu pau pulsava mais quando entrava a pica no cu, até que esta gostoso mas doía muito e ardia pedi goza logo que não estou aguentando dói demais, vc quer meu leite no rabo safado, quer, e aumentou as estocadas que eu gemia, reclamava ele me masturbava tão gostoso que não aguentei e comecei a gozar na mão dele, espera quero gozar com vc e senti inchar um pouco mais a pica dele no meu rabo e começou a gozar nossa foi umas estocadas diferente, que gostei gozou no meu rabo um monte que quando tirou escorreu do meu rabo, sujeira e esperma, bem diferente o prazer mas fiquei ardido e dolorido, puta que pariu como vcs aguentam pica no rabo, arde de mais, ele você acostuma, claro que não, nunca mais, não fale isso sobrou meio comprimido, come o cu da tua mulher ele veio lamber o que restou na minha pica delicia de trepada apesar da dor gostei muito mas não falei nada.

Ficamos a tarde toda de sacanagem, só que o pau dele depois de gozar murchou e voltou o que era antes meia bomba, agora pode tentar que deixo numa boa, deixa eu pegar o restante do comprimido, não no seco, sabe que não vai por isso deixar.

E fomos foder na cama dele, tinha ate roupa dela que mandei ele vestir, não queria mas vestiu foi muito bom, ele pediu não vamos fazer sujeira aqui para não precisar trocar a roupa de cama. Foi uma tarde muito prazerosa.
Fiquei alguns dias ardido, um desconforto, mas as lembranças foram boas kkkk. Agora vira e mexe ele vem com o comprimido, usamos uma vez cada uns 2 meses, acho que foi umas 5 ou 6 vezes, cada vez esta ficando melhor, acho que estou gostando, mas só com o Ivan.

Estamos tentando envolver as nossas mulheres, vai que conseguimos ai conto para vocês.

Antonio [email protected]

1 comentário em “Meio azulzinho faz um estrago bom”

  1. Cara delicia de conto … sou casado tb e curto uma bis bundacde macho tb …. se quiser podemos fazer a três, o Ivan vc e eu … algumas vezes pensei em dar mas nunca tive coragem … sou de SP 56 anos

Deixe uma resposta